[bloqueador2]Nós sempre dar uma grande ênfase no planejamento de nossa Aposentadoria, depois de tudo isso, seria o momento para ‘curtir’ a vida melhor (não deveríamos aproveitar o tempo? Deixa para lá …). Mas não basta apenas se preocupar com o que fazer antes de se aposentar, tais como a acumular um grande capital ou de ter um bom plano de previdência. Ele também é necessário para não cometer erros depois de se aposentar!

É uma grande preocupação para uma única pessoa? Não, mas você deve estar sempre consciente de que a nossa vida como aposentado muda um pouco, já que podemos não ter uma remuneração para o nosso trabalho.

Vamos ver alguns erros que não devem ser cometidos.

1. Mudar seu estilo de vida de maneira muito rápida.

Algumas pessoas sentem que, finalmente, livre quando eles se aposentam e, em seguida, eles percebem que todos os seus sonhos em um curto espaço de tempo: comprar uma casa na praia ou no campo, viajar muito mais e ir a restaurantes mais vezes na semana.

Loja Samsung Oficial | em estoque
R$ 1.099,00R$ 699,0010x de R$ 69,90 sem juros

Nada contra fazer uma mudança de hábito, mas o ideal é fazê-lo de forma gradual, sem grandes alterações no orçamento. Há pessoas que têm feito um bom planejamento, e pode, talvez, levar a cabo estes custos adicionais. Mas lembre-se que nós somos otimistas por natureza, vamos sempre achar que temos dinheiro suficiente.

 

Fazer uma transição suave para levar cerca de 1 ano, e vai acostumar-se a sua nova fase de vida. Não tenha pressa, você ainda vai ter tempo de sobra para fazer o que você quiser!

2. Empréstimo de dinheiro para a família, especialmente para as crianças.

É claro que, se seus filhos estão com fome ou ter algum problema momentâneo, você provavelmente não vai se recusar a fazer um empréstimo.

Mas tente não cair na tentação de empréstimos às ‘causas menos nobres’: por exemplo, se eles querem trocar por carro ou casa, ou se você deseja iniciar um empreendimento próprio, mesmo não tendo muita experiência.

Você pode até ter o dinheiro disponível, mas diga que não é possível correr o risco de perdê-lo.

3. Não ter uma reserva para imprevistos.

Este ponto também pode servir para corroborar o item anterior: mesmo tendo dinheiro suficiente para viver alguns anos, lembre-se de que o imprevisto pode consumir uma boa parte do seu património.

E quanto maior a idade, maior é a probabilidade de ocorrência de eventos inesperados relacionados, principalmente, para a nossa saúde. Se é importante ter esta reserva, quando somos jovens, isto é enfatizado ainda mais durante a nossa aposentadoria.

4. Ser muito conservador ou muito agressivos em seus investimentos.

Em um cenário de taxas de juros reais baixas, como a atual, de investir de forma conservadora, quando eles têm uma expectativa de vida mais longa pode fazer com a sua aposentadoria acabar sendo o espartano demais ou, pior, fazer com que o dinheiro acaba antes.

Com isso, buscar investimentos com maior potencial de retorno e, claro, com maior risco, pode ser uma ação necessária.

É recomendável que você procure investir em ações, fundos de ações e/ou de fundos de fundos de hedge. Dedicar parte do seu tempo a estudar sobre este tópico. Uma alternativa interessante é investir em recomendações vendidos por empresas em análise são independentes. É possível adquiri-los on-line pelo que o valor da assinatura de um jornal ou revista.

Mas também não exagere! Como regra geral, começar a investir algo como 10% de sua carteira de investimento em produtos de maior risco, e só aumentar esse percentual, como você se sentir mais confortável com o risco, ou de acordo com seu perfil, sem exagerar. Ao contrário de quando você é jovem, você pode não ter tempo para recuperar eventuais perdas.

Fonte: minhaseconomias.com.br/blog/financas-pessoais/4-erros-para-nao-cometer-quando-se-aposentar[/bloqueador2]