[bloqueador2]Projeto de decoração da Box 14 usa jardim vertical: técnica de paisagismo pode ser inserida em espaços pequenos (Viva Decora/Divulgação)

São Paulo – Os jardins verticais vêm sendo cada vez mais utilizados na arquitetura de fachadas e decoração de interiores.

A técnica de paisagismo começou a ser apreciada pelos brasileiros depois da década de 80, a partir das obras do artista Burle Marx. Atualmente, já pode ser contemplada em obras residenciais e até obras públicas, a exemplo do viaduto Minhocão, em São Paulo.

Mas qual é a vantagem de usar um jardim vertical dentro de casa? As plantas deixam os ambientes mais agradáveis, tranquilos, alegres e frescos, o que tem impacto na saúde mental dos moradores.

Projeto da Revista Viva Decora e de Rodrigo Maia

Projeto da Revista Viva Decora e de Rodrigo Maia (Viva Decora/Divulgação)

Portanto, inserir verde na casa é uma boa ideia para interiores e pode ser materializado na forma de um jardim vertical. Essa estrutura é uma excelente opção para dar mais vivacidade à residência sem comprometer os espaços, já que permitem o cultivo de plantas em locais pequenos.

Projetos de decoração da Revista Viva Decora,

Projetos de decoração da Revista Viva Decora, (Viva Decora/Divulgação)

Onde e como instalar os jardins

Para fazer um jardim vertical basta ter uma parede livre da casa. É essa a estrutura que dará suporte ao jardim, que poderá ser montado em um quadro de madeira, pallet, grade ou outros tipos de acessórios.

O que define a escolha do acessório é que ele precisará ser resistente o bastante para aguentar o peso de todas as plantas e vasos que serão fixados.

Projeto da In House, Tetriz Arquitetura e Interiores e Revista Viva Decora

Projeto da In House, Tetriz Arquitetura e Interiores e Revista Viva Decora  (Viva Decora/Divulgação)

Não há regras sobre onde um jardim vertical pode ser montado dentro de casa. É possível ver hoje jardins verticais sendo montados em salas, cozinhas, banheiros, terraços, varandas, pátios internos, espaços de churrasqueira e home offices.

Projeto de decoração da Revista Viva Decora

Projeto de decoração da Revista Viva Decora (Viva Decora/Divulgação)

Contudo, antes de escolher o local, há questões que precisam ser avaliadas, pois algumas espécies necessitam de mais ou menos luz e água. Sem esses itens básicos, as plantas não conseguem sobreviver. E um jardim vertical falhado, com plantas mortas ou doentes, não fica nada bonito.

Projetos da Revista Viva Decora e Basiches Arquitetos Associados

Projetos da Revista Viva Decora e Basiches Arquitetos Associados  (Viva Decora/Divulgação)

Quais as plantas mais indicadas para montagem

Flores e folhagens podem ser o toque especial que falta a uma decoração de interiores. Existem espécies que são vendidas a preços baixas e que podem se adequar às mais diversas condições locais, basta pesquisar!

Projetos da Revista Viva Decora

Projetos da Revista Viva Decora  (Viva Decora/Divulgação)

Em caso de dúvidas, é importante buscar informações com um profissional especializado. Ele dirá quais as plantas mais adequadas para jardins verticais, em geral mais resistentes e que têm raízes pequenas.

Projetos da Revista Viva Decora

Projetos da Revista Viva Decora (Viva Decora/Divulgação)

Também é possível montar um quadro verde somente com temperos e verduras. Mas esses itens exigem manutenção com maior regularidade.

Projetos de decoração da Revista Viva Decora

Projetos de decoração da Revista Viva Decora (Viva Decora/Divulgação)

Geralmente, os paisagistas utilizam em jardins verticais plantas pendentes, arqueadas ou prostradas, como as trepadeiras. Outras espécies, como orquídeas, são usadas apenas para dar pequenos toques de textura e cor à composição.

Diferente do que muitos possam pensar, a estética de um jardim vertical deve ser bem planejada. Para isso, devem-se conhecer, antes, as espécies!

Projeto de decoração da Revista Viva Decora

Projeto de decoração da Revista Viva Decora (Viva Decora/Divulgação)

Dentro dos imóveis é difícil encontrar áreas com sol pleno. Então, se o jardim vertical estiver em um local de meia-sombra, devem-se usar plantas como samambaia, antúrio, bromélia, flor de maio, peperômia e rabo de gato. Outras opções são babosa de pau, véu de noiva, singônio, ripsális, barba de serpente e aspargo.

Estas dicas para jardins verticais foram criadas pela equipe do Viva Decora.

Fonte: exame.abril.com.br/estilo-de-vida/dicas-de-plantas-incriveis-para-um-jardim-vertical[/bloqueador2]